É grande mas IMPORTANTÍSSIMO !!!


  • ISTO É O CÚMULO DO ABSURDO!!!!!!!!!

    Campanha "DEVOLVE, Lula"

    Caríssimos,
    Lembram quando foi divulgado o número de caminhões que levou a mudança do presidente Lula pra SP, quando ele saiu da presidência? Foram 11 caminhões. E parece que 1 deles era refrigerado, pois consta que levava vinhos e outras bebidas. Li na Folha também que, entre os objetos, estava a cama de casal do Alvorada, que, de tão grande que era, não caberia no apartamento de São Bernardo do Campo e por isso ficou guardada num depósito.
    Daí, me pergunto: móveis e utensílios do Palácio da Alvorada não pertencem ao Palácio e, por tabela, ao povo brasileiro? Estão lá para uso do ocupante do momento. Como é que um casal, que chegou com uma malinha, sai com 11 caminhões de mudança? Devem ter levado tudo, móveis, louças, roupas de cama, mesa e banho... quadros, objetos de arte, toda a adega... mesmo assim, 11 caminhões é muita coisa!
    Sempre soube que os presentes que se trocam nas visitas oficiais, são propriedade dos governos, mesmo se forem jóias, etc. Não são dadas às pessoas físicas, e sim aos representantes do país. Que coisa, não é mesmo? Gostaria de entender...
    A legislação brasileira e de vários outros países civilizados determina que os presentes ganhos pelo Presidente da República, no exercício da função, sejam incorporados ao patrimônio público, por serem considerados propriedade do estado.
    Lula e sua família, ao deixarem o Palácio da Alvorada, levaram todos os presentes recebidos, inclusive uma coleção de joias raras, recebida do presidente de Egito, já registradas no acervo da Presidência da República.

    D. Marisa, a Italiana, disse que as joias eram dela e as colocou na sua bagagem, rumo a São Bernardo do Campo. Isto é roubo qualificado!
    Funcionários antigos do Alvorada ficaram horrorizados, quando perceberam a falta de diversos objetos de arte e de peças de alto valor, inclusive o crucifixo que há décadas adornava a sala de visitas do Presidente da República.
    Em vista deste descalabro e por temor da ira divina, foi lançada a campanha de recuperação do patrimônio público nacional:
    "Devolve, Lula...!"
    A Folha de S. Paulo publicou a informação de que a presidenta Dilma Rousseff, em sua primeira semana de trabalho, retirou o crucifixo da parede de seu gabinete e a bíblia de sua mesa.
    Helena Chagas, Ministra Chefe da Secretaria de Comunicação Social, através de seu twitter, contradisse a informação divulgada pela Folha. Segundo ela, “a presidenta Dilma não tirou o crucifixo da parede de seu gabinete. A peça é do ex-presidente Lula e foi na mudança. Aliás, o crucifixo, que Lula ganhou de um amigo no início do governo, é de origem portuguesa”. Segundo Chagas, a bíblia continua lá, em uma sala contígua, em cima de uma mesa. A mesma informação está em nota da Secom.

    Agora, a pergunta que não quer calar...
    Se o crucifixo era presente recebido por Lula, como o objeto poderia estar presente nesta foto de Itamar, tirada no gabinete presidencial há dezoito anos atrás?

    POR ISSO, VAMOS TODOS, EM CORO, EXIGIR:

    Devolve, Lu...la...drão!

    Rui Pinheiro Silva
    Isso é coisa de trombadinha e não de um ex primeiro mandatário de um país.
    Imaginem o que foi roubado no atacado, durante toda sua gestão, inclusive de seus "cumpanheiros".
    Tome vergonha, Seu mau exemplo !
 

Todos os Desejos do Mundo Copyright © 2013| por layla